Todas as Soluções Automotivas

  1. Um fabricante de automóveis estava rejeitando a remessa de um fornecedor de conjuntos de janela traseira devido a defeitos nas grades de desembaçamento. O procedimento de teste existente do fornecedor media a absorção elétrica em todo o sistema de aquecimento para detectar uma falha geral, mas não conseguia detectar o impacto sutil de um único fio de aquecimento partido. O fornecedor de janelas fez uma parceria com a uma empresa de automação de máquinas de Michigan, Estados Unidos, para criar um equipamento de teste melhor – que pode verificar se cada fio de desembaçamento é aquecido conforme as especificações antes do envio.

  2. • Expanda os dados disponíveis além da indicação local • Reúna as informações necessárias para reagir rapidamente • Gerencie as melhorias de eficiência com base em dados anteriormente indisponíveis

  3. • Aumente a eficiência usando um sistema sem fio de solicitação de peças/serviço/coleta • Conecte até 18 estações de trabalho com seis empilhadeiras/Hi-Los • Resolva problemas críticos rapidamente sem interromper o fluxo de trabalho

  4. • Fornece uma indicação imediata do status da máquina • Envia informações sobre o status da máquina para ampla gama de dispositivos. • Alerta a equipe e os supervisores sobre condições críticas por mensagem de texto ou e-mail

  5. • Reabastecer as estações de montagem antes que os componentes acabem, sem estocar em excesso • Fornecer comunicação em tempo real entre os montadores e os operadores de empilhadeira que os abastecem • Monitorar a eficiência de entrega

  6. • Remover rapidamente os paletes cheios das estações de montagem • Permitir a comunicação direta das estações de montagem com os AGVs • Melhorar a eficiência do processo usando dados de tempo de resposta

  7. • Fornecer indicação de aviso de alta visibilidade • Minimizar o risco aos funcionários em uma área de empilhadeira de alto tráfego • Facilitar o fluxo do tráfego em uma área com obstruções visuais

  8. • Fornecer uma comunicação visual instantânea em um chão de fábrica agitado • Coletar o status da máquina e outros dados para calcular a Eficiência Geral do Equipamento (OEE) • Alertar os funcionários sobre condições críticas através de mensagem de texto ou e-mail

  9. • Identificar pequenos problemas antes que se tornem grandes afetando o desempenho e o tempo de atividade da máquina • Acessar dados ambientais de um local remoto • Avisar os operadores sobre condições críticas por mensagem de texto ou e-mail

  10. • Identificar problemas na máquina antes que eles causem danos graves ou tempo de inatividade não planejado. • Alertar a equipe das alterações nas condições via mensagem de texto ou e-mail • Fornecer uma indicação local imediata do status da máquina

  11. O monitoramento das entradas e saídas de produção fornece aos operadores de máquinas e gerentes dados críticos sobre seus processos e equipamentos e pode ajudá-los a identificar e resolver mais rapidamente problemas na linha de produção.

  12. Os botões touch e os indicadores da Série S22 Pro simplificam o projeto do painel de controle e melhoram a experiência e o desempenho do operador. O software Pro Editor expande os recursos de exibição integrados disponíveis na série S22 Pro, permitindo exibições personalizadas.

  13. Soluções de sensor para detectar a presença de teto solar em uma linha de montagem automotiva onde é necessário recursos de alcance estendido.

  14. O sistema de cortina de luz de segurança da série EZ-SCREEN® da Banner é uma solução consagrada para as exigências hostis de equipamentos de soldagem. Com a capacidade de conectar em cascata (série) vários segmentos, configurações como este par horizontal/vertical são facilmente implementadas com hardware padrão (sem modelos mestre/escravo).

  15. Um carro viaja ao longo de um transportador em uma área de risco protegida por uma Barreira EZ-SCREEN. À medida que o carro se aproxima, a Barreira EZ-SCREEN é temporariamente silenciada para permitir que o carro passe sem parar o transportador. Enquanto a Barreira está silenciada, existe o risco de um trabalhador tentar entrar na área de risco através da proteção de separação de chave de segurança, colocando o trabalhador em uma situação de risco e apresentando a possibilidade de que o trabalhador seja atingido pelo carro em movimento.

  16. Antes de enviar para a montadora da marca, um fornecedor de quebra-sóis para automóveis precisa verificar se os códigos de barras ultravioleta Data Matrix foram impressos na etiqueta de segurança de cada quebra-sol. O cliente procurou a Banner para ler o códigos de barras Data Matrix 2D invisíveís e enviar dados via Ethernet IP para um CLP para rastreabilidade/eliminação de erros.

  17. O iVu Plus BCR Gen 2 com Lente Micro de 25 mm substitui os leitores de códigos de barras portátil para coletar dados de códigos QR densos e difíceis de ler em transmissões de veículos. Um spot LED de alta intensidade WL50S ilumina a área desejada.

  18. Os códigos de marcação direta na peça (DPM) podem ser pequenos, complexos e difíceis de se diferenciar do material em que são gravados. O leitor de códigos de barras ABR 7000 está disponível em modelos projetados especificamente para solucionar aplicações desafiadoras de baixo contraste e aplicações DPM como esta.

  19. A Henshaw customer manufactures drivetrain and powertrain systems for the automotive industry. The company had experienced productivity losses due to errors in the assembly of transmission valve bodies. Henshaw was tasked with developing a system that would reduce errors and improve the assembly process.

  20. Banner’s fixed-field K50 indicator detects gloved hands , sensing when operators select the correct parts during the kitting process. The K50 indicator’s logic function is then able to notify the operator that he/she picked correctly by changing from green to yellow—additional colors can be selected to suite to the manufacturer’s preference. The K50’s ability to detect black gloves is especially important for lean manufacturing processes where workers typically wear dark gloves.

  21. To reduce the risk of error in an assembly operation, a one-piece EZ-LIGHT PVD pick-to-light sensor with a 400 mm range is interfaced with a process controller programmed with the correct assembly sequence. The controller makes the PVDs light up in the correct order, to show the assembler which part to pick. After the PVD detects that the assembler's hand has entered and left the bin, the controller signals the PVD of the next bin in the pick sequence to light up.

  22. The EZ-LIGHT PVA pick-to-light sensors provide a reliable error-proofing solution for various operation systems. The light indicate to assemblers which items to pick and in which order to pick them.

  23. PTL110 pick-to-light devices on a multiproduct assembly station are a highly effective way to prevent errors and speed up build time. The optical sensors on PTL devices detect hands as they pass by, confirming that a pick was made.

  24. Manual kit building at large stations can be time-consuming and subject to human error, especially if storage racks are difficult to navigate. The PTL110 series pick-to-lights are scalable for large systems and highly versatile to complete numerous tasks.

  25. An equipment manufacturer builds test and measurement machinery for the auto industry. Operators access machine systems through the control cabinet. Intense illumination of the cabinet facilitates machine maintenance and management. Multiple AC powered fluorescent light fixtures had been used for this task.

  26. American Hoffmann Corporation chose WLB32 LED light bars to illuminate work areas, enclosures and control cabinets, replacing fluorescent light fixtures. The superior light distribution offered by the WLB32 LED lights lights, as well as the ease of installation were key factors in the company's decision.

  27. Learn how green LED task lights enhance visibility of surface imperfections on manufacturing materials.

  28. Automotive inspection requires consistent, bright light with minimal glare to inspect automotive parts. Increased lighting can improve worker productivity and reduce eye strain.

  29. Finding a high-intensity, ultra-bright lighting solution for manufacturing can be challenging. Since multiple lights are required to properly illuminate areas on a conveyor, a simple mounting option to connect lights together is needed.

  30. The S15L Series In-Line Sensor Status Indicator is a two color indicator light that indicates power and output status. Its inline connection, over-molded design and bright indication create a cost-effective solution that can be applied to most 4- or 5-pin devices with an output.

  31. Uma empresa de fornecimento automotivo faz uma série de sistemas de veículos. Os seus sistemas de assentos combinam estrutura e design com recursos que aumentam o conforto e a segurança. Os sensores de peso instalados na parte inferior dos assentos funcionam em coordenação com os sistemas de segurança do veículo para determinar o tamanho e a posição do ocupante de um assento. Esses fatores afetam como ou se os airbags serão empregados em caso de acidente.

  32. O sensor de deslocamento a laser LH é uma solução perfeita porque é altamente preciso e mede a espessura em níveis de mícrons. A Série L-GAGE LH também pode enxergar consistentemente alvos escuros nesses níveis. O gerador de imagens linear CMOS de 1024 pixels do LH possui resoluções em nível de micrômetros que variam de 1 a 10 mícrons, o que dá a ele a capacidade de medir a espessura da chapa metálica de forma rápida e precisa.

  33. Durante a montagem, são conduzidas inspeções para medir o ajuste da altura do assento, o movimento para frente e para trás e o movimento vertical e reclinável. São utilizados dois sensores para cada inspeção. Os sensores são implantados na linha transportadora para garantir fácil acesso e livre movimento dos assentos. Em seu alcance máximo durante uma inspeção, um assento pode estar a um metro de distância dos sensores.

  34. As medições da excentricidade do virabrequim devem ser monitoradas continuamente para garantir que elas atendam às exigências de tolerância. Saiba como os sensores de medição a laser da série LM solucionam essa difícil aplicação.

  35. Antes de o operador ativar uma máquina de fabricação de pneus para formar um pneu, um sensor de visão PresencePLUS P4 OMNI 1.3 inspeciona as camadas para garantir que peças com discrepâncias opostas sejam alternadas. Se duas peças com a mesma discrepância forem unidas, o pneu formado prosseguirá pelo processo de fabricação e, em seguida, falhará no teste de balanceamento e deverá ser descartado.

  36. Nas instalações do fabricantes, os operadores inserem e removem manualmente peças de metal de uma prensa de estampo. Quando terminadas, as peças são enviadas para um compartimento através de uma calha metálica. Para evitar que o molde quebrasse (se forem colocadas peças duplas de uma vez) o cliente precisava de um sensor que pudesse detectar várias peças na calha e enviasse um sinal para o sistema de controle, indicando que a prensa estivesse livre e permitisse que o operador execute outro movimento. A solução necessária precisava ser instalada sem ranhuras de corte nas laterais da calha ou sensores montados na extremidade da calha, o que poderia criar pontos de obstrução para as peças em movimento.

  37. À medida que mais componentes passam pelo forno, fica cada vez mais difícil manter o ritmo do fluxo de itens a serem descarregados. O congestionamento acumula-se na área de classificação. Os itens podem ser facilmente mal direcionados ou até mesmo danificados. Uma pausa no fluxo de peças permite que o operador de descarregamento corrija erros e desobstrua uma estação de coleta. No entanto, a distância entre as áreas de descarregamento e de carregamento, bem como a interferência no ambiente das máquinas próximas complica a comunicação entre os operadores.

  38. O sensor receptor de luz DF-G1 da Banner diferencia janelas com ou sem tinta com base na quantidade de luz externa que passa pelo vidro. O dispositivo independente DF-G1 possui uma configuração simples com botão de pressão para facilitar o ajuste ao longo do transportador. Um display intuitivo permite o retorno imediato do sensor.

  39. O receptor de luz de fibra óptica DF-G1 da Banner é um produto único e econômico que foi projetado para ser colocado diretamente no equipamento de teste para garantir que as luzes funcionem corretamente. Com o mesmo display intuitivo duplo e interface de programação dos outros modelos DF-G1, o receptor de luz pode ser integrado e conectado aos sistemas de controle dos equipamentos de montagem e teste para inspeção de aprovação/rejeição.

  40. Com a unidade multifuncional, o botão de parada de emergência combinado com um OTB proporciona uma estação do operador simplificada para linhas de produção que não exigem fiação ou gabinetes adicionais. Os botões de parada de emergência de 30 mm da Banner funcionam bem neste tipo de aplicação. A base iluminada muda de amarelo para vermelho intermitente ao ser acionado, tornando-os compatíveis com os requisitos de parada de emergência. A proximidade entre o botão de parada de emergência e o OTB significa que os trabalhadores podem atuar de forma rápida e fácil

  41. Ao instalar pares DX70, torres de luz e caixas de interruptores, os fabricantes podem criar uma rede de notificação sem fio e comunicar-se em todo o chão de fábrica. Os operadores podem usar os interruptores para chamar um gerente para a linha de produção, chamar um técnico ou mesmo solicitar peças ou suprimentos. O uso do sistema de notificação de torre de luz reduz a necessidade de funcionários, técnicos ou gerentes estarem constantemente verificando cada linha de produção.

  42. Quando uma janela está localizada diretamente atrás de um gabinete, luzes indicadoras LED extremamente brilhantes e de longa duração podem fornecer indicação bem visível durante todo o dia. O Alerta EZ-LIGHT K50 da Banner é perfeito para várias aplicações de status de indicação, principalmente neste gabinete, pois o alerta é altamente visível, até mesmo durante o dia, além de ser extremamente durável com LEDs de longa duração e com consumo eficiente de energia.

  43. Em vários processos de fabricação automotiva, mesas giratórias são usadas para indexar peças em várias estações de trabalho automáticas e manuais. Em muitos casos, é necessário usar sensores para verificar se as peças estão presentes, devidamente posicionadas ou processadas corretamente antes da indexação. Historicamente, a solução de usar anéis deslizantes, para permitir que a alimentação e os sinais do sensor sejam conectados através de cabos ao sistema de controle, mostrou muitas vezes ser cara e pouco confiável. É necessária uma solução alternativa que permita processar mais sinais de sensores enquanto se aumenta a confiabilidade.

  44. Os moldes nas prensas de pneus sofrem danos dispendiosos se a prensa tentar estampar a banda em um pneu sem banda, ou verde, do tamanho errado. Para direcionar cada pneu à prensa correta, os sensores de visão PresencePLUS P4 BCR 1.3 da Banner classificam os pneus de acordo com as informações de identificação do código de barras impresso em uma etiqueta no talão do pneu. Nesta aplicação, os pneus verdes que se movem no transportador passam embaixo de uma estrutura em que existem seis sensores de visão BCR 1.3 instalados.

  45. Um produtor de aço inoxidável e ligas especiais fornece tarugos, placões e lingotes para o setor de fundição de metais. Durante a produção, os robôs articulados são usados ​​para manipular os tarugos de magnésio. Os interruptores de proximidade localizados nos atuadores de extremidade dos robôs comunicam informações de status das pinças para um painel de controle. Foram utilizados cabos robóticos para conectar os interruptor de proximidade ao painel de controle. Os desafios ambientais e o movimento do robô comprometiam a integridade dos cabos. As rupturas eram bastante frequentes e a produção tinham que ser interrompida para reparo e substituição, elevando os custos e diminuindo a produtividade.